Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Zibaldone

Zibaldone

14
Nov16

Aforismos

Francisco Freima

Muitos poemas são crimes por resolver.

 

Quando não consegue apanhar um fugitivo, a polícia parece aqueles treinadores que culpam as arbitragens pela derrota.

 

Dois dedos de testa comprimem sete palmos de terra.

 

Falavam da «religião marxista», mas os economistas de hoje ficaram-se pela astrologia.

 

Escutar o silêncio é ouvir a eternidade.

 

Assim como ontem falava Zaratustra, hoje em dia fala Barafusta.

 

Os artistas são sádicos, os mecenas são masoquistas.

8 comentários

Comentar post

Antiguidades

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Bloguista

foto do autor