Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Zibaldone

Zibaldone

05
Out16

Boa notícia

Francisco Freima

António Guterres.jpgÉ nestas situações que me sinto confortável: criticar alguém quando chega ao grau máximo da consensualidade. Isto a propósito da eleição de António Guterres como secretário-geral das Nações Unidas. Um líder partidário medíocre, um primeiro-ministro irresponsável e um Alto Comissário para os Refugiados incompetente, Guterres atinge o cúmulo da nulidade ao igualar os feitos de Ban-Ki-moon, Koffi Annan, Kurt Waldheim ou Thant. 

 

Sintomaticamente, os sítios por onde este «socialista» passa acabam sempre falidos: o PS, o Estado e o ACNUR. Isto leva-me ao primeiro desejo, que Guterres consiga terminar um mandato sem espatifar o orçamento. O meu segundo desejo é o de que não envergonhe o país, caso lhe dê para fazer contas de cabeça  Por último, peço-lhe para ter cuidado com as amizades. Normalmente, o problema nem é Guterres, mas o gangue de boys que gravita à sua volta. Em termos de prognósticos, penso que vai fazer uns mandatos tão marcantes como os de Freitas do Amaral na presidência da Assembleia Geral da ONU e de Durão Barroso na Comissão Europeia (ou seja, a sua passagem não vai deixar rasto). A única vantagem que vejo nesta eleição é a de o país ter menos uma boca para alimentar, vagando os tachos ao lume para os suspeitos do costume. Aliás, um dos desafios da nossa economia será aumentar a capacidade de exportação desses inúteis para cargos internacionais.

 

Pesando os prós e os contras, esta é uma boa notícia para Portugal. Prorrogámos o empréstimo deste mono à comunidade internacional.

6 comentários

Comentar post

Antiguidades

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Bloguista

foto do autor