Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Zibaldone

Zibaldone

15
Out16

Diário expedicionário

Francisco Freima

15 de Outubro (1884) - Continuamos hoje a N. N. E. caminhando pela agulha; mato deserto e bravio; subimos uma grande colina que descemos depois para o vale de um rio, que parece ser do sistema Lualaba (rio à 1:50). Encontrámos aqui rasto de caçadores e restos de carne de elefantes; parecem ser da Garanganja.

 

Saímos hoje tarde, porque estivemos à espera de um homem que tinha ficado para trás, para tomar conta da carga de um outro que não podia andar.

 

Encontrou este no caminho, mortos, o Chá-Cassenda e o Quibanda. Ficou hoje para trás um outro, o Chico. Apareceu o António Pedreiro.

 

Passámos o rio e acampámos na outra margem. Muito rasto de elefante. Pela meia-noite chuva miúda (30').

Antiguidades

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Bloguista

foto do autor